Noite à Dublin

Este post não se foca propriamente em bares e pubs, apesar de mencionar o mais conhecido – o Temple Bar. Na verdade, este post é mais focado no ambiente que se sente em Dublin à noite e as diversas vibes nas zonas diferentes da cidade. Para mim, pessoalmente, achei a cidade mais bonita durante a noite do que durante o dia. Mas talvez tenha sido porque durante o dia estava a maior parte do tempo a chover.

Depois de passarmos o dia nas montanhas Wicklow (último post) queríamos um sítio para jantar e onde se pudesse beber uma cerveja ou duas. Um dos locais definitivamente mais falados e conhecidos em Dublin, é o Temple Bar District onde se encontra o mais famoso pub da cidade o Temple Bar. Para jantar acabámos por um escolher um pub que fica ao lado do famoso Temple Bar chamado “Fitzsimons Temple Bar”. A comida foi mais ou menos e nós achámos caro e o menu com pouca escolha, por isso não vos digo para virem aqui, assim como nós não voltaríamos a jantar neste local.

Um pouco desalentados pelo fraco jantar fomos até ao Temple Bar ver se nos animávamos. E digo-vos o ambiente ali era tão diferente do anterior como da noite para o dia. O bar estava cheiíssimo, com música ao vivo, muita animação e ainda com decorações de natal, o que eu adorei. O bar é enorme por isso apesar de estar lá dentro imensa gente conseguimos encontrar um balcão e duas cadeiras onde nos sentámos. Eu adorei este pub e consigo perceber o porquê de ser tão famoso. Os preços das bebidas são semelhantes aos dos outros pubs por isso não deixem de ir com medo de terem de deixar lá um braço para puderem desfrutar uma cerveja. Tivemos neste no Temple Bar bastante tempo, mas quando saímos ainda quisemos explorar este distrito. Para além de vários pubs, existem imensos restaurantes principalmente fast-food e lojas de recordações. Imensas pessoas andavam na rua e não achei que fosse uma zona perigosa para andar a noite.

Como disse à pouco o jantar tinha sido fracote e por isso a dada altura quisemos algo coisa que nos aquecesse o estômago. Eu fui para os doces. Antes de fazer esta viagem não tinha ideia que os donuts fossem uma coisa tão em voga em Dublin, mas existem lojas a vender donuts em todo o lado. E é mesmo em todo o lado. Difícil é resistir. No caminho de regresso fui a uma dessas lojas na rua do nosso hotel, a O’Connell Street enquanto que o meu marido foi ao Burguer King que ficava mesmo ao lado. Ele não parava de dizer que mais valia termos ido ao Burguer King jantar do que ao pub. Como vos disse no post sobre o nosso hotel, a O’Connell Street é uma longa rua onde se encontram imensas lojas, incluindo dois MacDonald’s, dois Burguer King, imensos restaurantes, lojas de recordações e lojas de apoio aos turistas. Mesmo àquela hora tardia havia imensas pessoas na rua e a maioria dos restaurantes abertos por isso se vos der a fome a meio da noite sempre podem vir até aqui.

Para acabar a noite e como estava frio fomos para o bar do nosso hotel, o Hotel Riu Plaza The Gresham Dublin, onde bebi um delicioso Irish Baileys e o meu marido uma cerveja Irlandesa. A atmosfera do bar era relaxante e transmitia quietude, exactamente o que precisávamos depois de um dia em cheio.

7 thoughts on “Noite à Dublin

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s