Saint Albans

Saint Albans é uma cidade a cerca de 35 Km de Londres. Bonita, cultural e por isso mesmo um dos locais mais caros para viver em Inglaterra. O nome de Saint Albans refere-se ao primeiro Santo Britânico, Alban. É também uma cidade onde se encontram vários vestígios romanos, muitos deles espalhados pela cidade e no museu de Verulamium. Para visitar a cidade um dia é suficiente. Para quem visita Londres e quer um dia fora da grande cidade, Saint Albans é a perfeita escolha. Comecemos então pelas sugestões para um dia bem passado em St. Albans.


Pequeno-Almoco

Para pequeno-almoço há duas boas opções. Temos o Bill’s, uma cadeia de restaurantes da qual vos falei no post sobre Watford. Serve-se pequeno-almoço, brunch, almoço e jantar. A minha experiência nos pequenos-almoços é ótima. Há várias opções passando por panquecas, ovos benedict até ao já conhecido pequeno-almoço inglês (full english breakfast). As imagens em baixo são alguns exemplos do pequeno-almoço no Bill’s de Watford.

Outra opção, que neste caso foi a nossa escolha, uma vez que está muito bem avaliado e com uma fila constante à porta a confirmar. Assim fomos até ao The Waffle House.

Tivemos sorte e estava um tempo magnífico quando visitámos o local. Digo isto porque podemo-nos sentar nas mesas do terraço, o que teria sido uma experiência menos agradável se estivesse a chover ou frio. The Waffle House não aceita reservas serão por isso sentados por ordem de chegada. O menu, tal, como não podia deixar de ser, são waffles – existem doces, salgadas e os especiais do dia. Existe um menu de pequeno-almoço servido até ao meio-dia e depois o menu de almoço do meio-dia às 3 da tarde, a hora em que o estabelecimento encerra.

Waffle especial de Páscoa
Banoffee waffle

Eu confesso que achei um bocadinho caro, mas também acho isso no Bill’s. No entanto, comparando o ambiente e principalmente a localização, uma vez que o The Waffle House fica no centro da cidade junto ao jardim principal de Verulamium, os preços são os esperados.

Website (The Waffle House): https://wafflehouse.co.uk/

Website (Bill’s): https://bills-website.co.uk/restaurants/st-albans/


Verulamium, a cidade romana

Depois de pequeno-almoço/almoço no The Waffle House fomos visitar a cidade. Verulamium Park é um dos principais locais para encontrar ruínas romanas. De facto, aqui se encontram os vestígios da terceira maior cidade romana da Inglaterra. Esta cidade chamava-se Verulamium, dando nome ao parque e ao museu. Neste parque encontram-se grandes secções da muralha da cidade romana ainda intacta e um mosaico que fazia parte de uma grande casa.

Entrada para o Verulamium Park

Para conhecer ainda mais sobre Verulamium, mesmo ao lado do parque, temos o museu.
Este museu foca-se em explorar e representar a vida quotidiana na cidade romana de Verulamium. Várias salas estão organizadas e expostas de maneira a visualizar-se facilmente como as pessoas teriam vivido naquela altura. Também é neste museu que se encontram alguns dos melhores mosaicos fora do Mediterrâneo. A entrada para o museu custa 6 libras por adulto.
Também relacionado com os romanos que aqui viveram temos o Teatro Romano. Este é o único exemplo de teatro romano em Inglaterra, tendo sido este construído em 140 DC. O teatro foi usado primeiro para procissões e danças associados à religião, mas também para luta livre e combates.

Entrada para o teatro romano de Saint Albans

As ruínas do Teatro Romano que estão hoje à vista foram encontradas entre 1847 e 1935. Escavações posteriores revelaram alicerces de lojas, uma villa romana e um santuário. A entrada para o Teatro Romano custa 3 libras.

Website (museu): http://www.stalbansmuseums.org.uk/visit/verulamium-museum

Website (teatro): https://www.gorhamburyestate.co.uk/The-Roman-Theatre


Igreja de St Michael

Saindo da vida dos Romanos e dos vestígios presentes temos duas igrejas que podem ser visitadas, St Michael’s church e a maravilhosa catedral de Saint Albans. A igreja de St Michael fica nas redondezas do museu de Verulamium.

Dentro da igreja existem vários pontos de interesse como a pia batismal construída no século XV. A pia batismal com o seu formato octogonal representa os visitantes de todos os cantos do mundo que param nesta igreja. A nave, o corpo principal da igreja, foi construída antes da conquista normanda. O ponto central da igreja de St Michael é, no entanto, o seu altar. A janela a Este do altar representa a transfiguração, o episódio bíblico em que Jesus revela a sua santidade aos seus discípulos. Do lado extremo Oeste da igreja há uma janela com três anjos. O anjo do meio representa Michael (ou Miguel), o padroeiro desta igreja.

Website: http://www.stmichaels-parishchurch.org.uk/


Alban, o primeiro santo da Grã-Bretanha

A catedral de Saint Albans é sem dúvida o edifício mais prominente da cidade.

Como disse no início o nome de Saint Albans relaciona-se com o primeiro Santo da Grã-Bretanha, Alban. Esta catedral é um memorial notável a este Santo. Para perceber a importância de Alban vou falar um bocadinho da sua história de vida. Alban viveu no início do seculo III na cidade de Verulamium (a cidade romana). Alban deu abrigo a um padre cristão que estava a ser perseguido, uma vez que a liberdade religiosa nesta altura como se pode esperar, era inexistente. Alban, inspirado pela importância da fé para o padre, quis aprender mais sobre o cristianismo. A localização do padre cristão abrigado por Alban foi conhecida e para impedir que o padre fosse preso, Alban trocou a sua roupa com a do padre. O padre escapou e Alban foi preso. Como Alban se recusou a renunciar a crença cristã, este foi condenado como um cristão e decapitado.

Apesar de não se conhecer bem a história da primeira igreja construída sobre o túmulo de Alban, sabe-se que um mosteiro foi erigido em 793. A construção da abadia com a sua torre foi concluída em 1115. Até 1539 monges viviam na abadia produzindo manuscritos de bíblias e livros focados na ciência, música e clássicos. Em dezembro de 1539 a abadia foi encerrada. O santuário de St Alban foi destruído e as suas relíquias desaparecerem. Em 1877, depois do edifício ter sido restaurado a igreja tornou-se a catedral de St Albans e a sede do bispo desta cidade.

A catedral hoje está aberta ao público, a entrada é gratuita e tanto o seu exterior como interior merecem toda a atenção. Se tiverem sorte de visitar Saint Albans com bom tempo podem aproveitar para se sentar no jardim que fica em frente à catedral e desfrutar do sol e da arquitetura prominente deste edifício.

Website: https://www.stalbanscathedral.org/


Torre do Relógio, o protesto contra a religião

Um último local para visitar que gostaria de mencionar é a Torre do Relógio de Saint Albans. Mesmo no centro da cidade, ergue-se a torre que foi acima de tudo uma declaração de protesto político contra o poder da religião em Saint Albans. A torre foi contruída em 1405 e permitia à cidade controlar as suas próprias horas, em vez da igreja, que até então detinha este poder, o de determinar as horas. É incrível como algo tão banal nos dias de hoje era algo tão importante e até usado como poder em eras passadas. Isto porque o ressoar do sino do campanário indicava a hora de recolher na cidade. O sino também funcionava como alerta em caso de fogo ou guerra. Em 1455 o sino tocou para alertar a população do que seria a primeira batalha de St Albans durante a Guerra das Rosas.

É possível subir ao topo da torre para aproveitar a magnífica vista do topo. No entanto, de momento está em reparações, mas espera-se que abra novamente ao público.

Website: http://www.stalbansmuseums.org.uk/visit/clock-tower


Mercado

Se visitarem Saint Albans ao sábado, aproveitem para visitar o mercado. Está aberto até cerca das 4 da tarde e onde irão encontrar as mais variadas barraquinhas a vender comida, livros, discos de música, vintage entre muito mais. O mercado está localizado na rua da Torre do Relógio.


Bebidas e Comida

Agora vou deixar a parte mais cultural de Saint Albans e falar-vos de um sítio que não podem perder.
Suckerpunch é o nome deste bar que abre entre as 4 e as 6 da tarde dependendo do dia de semana e aqui vão experimentar os melhores cocktails da vossa vida. Encontrámos este bar recentemente e bendita a hora que me apeteceu um cocktail no final de uma sexta-feira e encontrei este lugar através de uma pesquisa no google. Os cocktails são ótimos, o ambiente discreto e intimista, o conjunto perfeito para uma noite muito agradável. Recomendo a reservarem mesa principalmente ao fim-de-semana depois das 8-9 horas da noite.

Para jantar há várias opções, desde italiano, a libanês, a indiano. Mas nós acabamos sempre no mesmo sítio – Sushimania – uma rede de restaurantes japoneses. Nós gostamos muito do restaurante de Saint Albans, mas atenção nem todos os restaurantes desta companhia tem a mesma qualidade. Já experimentamos Sushimania noutro local e a experiência foi muito mais pobre. Mas se gostam de sushi venham ao Sushimania de Saint Albans e não se irão arrepender.

Website (suckerpunch): https://suckerpunchbar.co.uk/

Website (sushimania): https://www.sushimania.co.uk/

E assim fica as sugestões para um dia passado em Saint Albans, uma cidade pequena, pitoresca mas cheia de história e de locais para visitar e descontrair.